Google+ Followers

quinta-feira, 12 de junho de 2014

Como me sinto

Quando estou escrevendo sinto como se estivesse tocando um piano, instrumento no qual eu adoro. Poderia escrever um musical, porque assim eternizaria o que levo na alma. Espalho através daqui todos os meus pensamentos e sentimentos. Talvez as notas musicais ajudassem a libertar dores que sinto no meu peito cansado de desamores e enganos. Quero poder seguir os meus caminhos sem olhar para traz e fazer cumprir o meu destino. Mas estou encurralada neste labirinto de palavras que eu mesma criei. Luto para conseguir encontrar uma saída onde consiga ver o sol brilhar e a lua aparecer, mas não vejo mais que a escuridão que existe no meu coração. Preciso de uma luz onde me veja refletida transbordando alegria onde eu possa voltar e me encontrar, mesmo em meio a devaneios. Quero voltar a realidade estou cansada de sonhar.

                                                                    Elisângela Oliveira